Quarta-feira, 13 de Julho de 2005

PLENO

O teu sorriso diz-me tudo o que eu preciso de saber, para não ter de to perguntar ou para que não tenhas de mo dizer. Sim, porque há coisas que me escuso em falar com receio de me ridicularizar, consciente que no meu rosto enamorado transparece tudo aquilo que me deixa envergonhado. Mas na verdade não o sou, é apenas um jeito de o ser enquanto tudo isto está a acontecer. E tu sabes que eu sei que me estou a entregar, e assistes ao esforço que esboço mas não faço, acabando por me denunciar. Isto porque há coisas que não escondo e que são só para ti, como se estivesse a demonstrar que no fundo sou assim. Sabes, eu próprio me esqueço que posso ser como sou mas tudo faz sentido quando estou contigo. Talvez porque sejas como és e não consigas ser só para parecer, ou então porque confio em ti e entrego nas tuas mãos uma parte de mim. Pode não ser esta a explicação ou o seu real significado, mas pouco me importa saber as verdadeiras razões porque me sinto bem quando estou do teu lado. E se eu estou aqui e tu também estás, é porque ambos queremos estar no mesmo lugar. Claro que sei que tu sabes de onde vim, tal como ambos sabemos onde estive... Mas na verdade pouco importa o caminho que percorri para chegar perto de ti. Encontro nos teus braços aquilo que não procurei e descobri um bocado de ti para juntar a um pedaço de mim, que mesmo agora encontrei. Quero sentir o teu gosto e estampar o meu sorriso no teu rosto, quero olhar para ti quando te vens para mim e receber o prazer que tenho em te foder. No entanto, fica mais por dizer, menos aquilo que queres saber e nos meus olhos consegues ver. E é neste silêncio, a que já nos habituámos, que trocamos olhares apaixonados.

Decidimos dividir o Mundo em dois sem hemisférios sul ou norte, sem ninguém dar parte fraca ou alguém ser o mais forte.

 

Decidimos dividir o Mundo em dois sem hemisférios sul ou norte, sem ninguém dar parte fraca ou alguém ser o mais forte.

 

O teu olhar diz-me tudo o que quero ver, para que não tenhas de mo indicar ou para que não peças para to fazer. Sim, porque não há nada que me prenda ou me faça recuar perante tudo isto que temos e que ambos queremos. Eu quero tudo ou nada e tu não sabes como vai ser, e desta forma não nos preocupamos com o que pode acontecer. Pois não existe nada que eu queira saber, antes que tu me mostres ou te peça para ver. E quando chega o dia seguinte quero mais e sobre o dia que passou só me lembro que foi bom, mas hoje foi ainda melhor. Porque naquele instante, no momento exacto em que me aproximo e tu ficas mais perto, não há nada que me impeça de te foder por puro prazer. Sabes, eu mesmo reconheço que num beijo solto o desejo e isso é meio caminho andado para te querer do meu lado. E se me entrego e nunca me nego, é porque não resisto e contigo insisto. Pois o que eu quero é aquilo que tens e o meu corpo padece enquanto não vens. E é nesse instante que desespero porque sabes como sou impaciente quando não tenho o que quero. Quando estás perto sinto tesão e quando te afastas procuro-te em todo o lado. E sempre que te encontro no meu pensamento, tu sabes que não me aguento e que fico novamente excitado. Se me deito no teu peito e nas tuas mãos me arranho, é porque me entrego. Quando mordo nos teus ombros e sugo dos teus lábios, é porque não resisto. E se dentro do teu corpo me perco e com o teu sabor me alimento, é porque me venho. Gosto e repito, desejando sempre voltar, como se não houvesse outro rumo que me pudesse encaminhar. Ainda não sei como fazes ou sequer se pensas antes de o fazer, mas tu sabes o que quero mesmo quando não o espero.

Decidimos dividir o Mundo em dois sem o disputarmos num jogo de sorte, sem lutarmos numa batalha de morte.

Decidimos dividir o Mundo em dois sem desempatarmos num jogo de sorte, sem lutarmos numa batalha de morte.

O teu corpo diz-me tudo o que quero ouvir-te dizer, para que saiba onde te tocar ou para que sintas sempre prazer. E tu sabes que eu sei como és tal como me contas que tens sido, mas não me importa como eras antes de estares comigo. Agora sinto o teu cheiro que sigo nas curvas do teu corpo e vejo como o tom da tua pele me guia ao brilho dos teus olhos. Cravas as unhas no meu dorso sobre as marcas das tuas dentadas e deixas o teu sabor nos meus lábios já gretados pelos teus beijos. Sempre que me abraças e desato as tuas alças, cai no chão o teu vestido e tudo isto faz sentido. E naquele instante em que me apertas e me sinto encurralado, perco-me no teu prazer que em mim sinto escorrer. Sim, porque eu não olho a meios se não estiveres com rodeios e o meu corpo não se cansa enquanto o teu não se esgota. Mas quando realmente acabei por te conhecer, deu para perceber que havia algo mais para além da vontade de te foder. Sabes, confesso que no início estranhei tanta cumplicidade mas tudo se tornou mais nítido quando descobri que afinal somos cúmplices de verdade. Pois quando esboço um sorriso, tu soltas uma gargalhada e depois dizes mata logo após eu esfolar. Acrescentas o burlesco à sátira do meu humor e após o teu exagero, eu acabo sempre por desancar. Foi por mero acaso que na Quinta das Conchas nunca nos cruzámos mas acabou por surgir esta oportunidade e com Quinta de Pancas a este encontro brindámos. Pleno não é apenas um momento mas uma constante no pensamento, que quero repetir novamente como quem vive o que sente. E não minto quando sinto o que te repito e acredito, mesmo não sabendo se entendes o que digo quando escrevo que gosto de estar contigo.

Decidimos dividir o Mundo em dois sem definirmos o Equador, sem sabermos de que lado está a paixão ou para que lado fica o Amor.

Decidimos dividir o Mundo em dois sem definirmos o Equador, sem sabermos de que lado está a paixão ou para que lado fica o Amor.

 

Um abraço... 

SHAKERMAKER

 

Dedicado a ti... E que tal sorrires para mim? Vá lá, não custa nada!

 

Agradeço a todos quantos me visitaram nesta breve ausência, aos que me enviaram emails e deixaram comentários e também aos que me deram como morto ou desaparecido para parte incerta. Não estou de regresso e ainda não foi desta. Muito Obrigado a todos.

 

 

honky tonk women por shakermaker às 00:00
ISOLAR TEXTO | RECOLHER TEXTO
|

»HTW é um tributo a todas as mulheres

»Mulheres que desejam insultar o shakermaker